Búzios, na Região dos Lagos do Rio, vai utilizar um sistema QR Code para reabrir a cidade aos turistas, a partir de 1º de agosto. O município estava fechado devido à pandemia da Covid-19.

De acordo com a Prefeitura, as empresas da cidade serão as responsáveis por emitir o código de acesso aos clientes e hospedes que não moram no município.

A apresentação do QR Code pelos turistas será obrigatória e deverá ser feita nos pólos das barreiras sanitárias instaladas nos acessos ao município. Segundo o decreto, a aferição de temperatura também será obrigatória.

De acordo com o governo municipal, a iniciativa busca fomentar o turismo e o comércio local, já que o Búzios iniciou a flexibilização gradual de comércios, bares, restaurantes, hotéis e pousadas.

A medida foi publicada em decreto na última sexta-feira (24).

O credenciamento das empresas já pode ser realizado, através do site oficial da Prefeitura de Búzios.

Para participar do sistema “Acesso à Búzios” as empresas devem estar devidamente credenciadas na Prefeitura e ter alvará de funcionamento.

Turistas e empresas podem tirar dúvidas sobre a iniciativa entrando em contato com a administração pública municipal pelo email acessoabuzios@buzios.rj.gov.br.

Praias

Desde o dia 22 de maio a Prefeitura de Búzios vem liberando, gradualmente, as praias da cidade para a prática de esportes.

As primeiras a serem liberadas foram as praias de Geribá e Manguinhos (em toda sua extensão). No dia 20 de julho, o governo municipal autorizou o uso das praias de João Fernandes, Tucuns, Ferradura, Brava e Canto.

Na última sexta-feira (24), as praias da Azeda, Ossos e Forno foram reabertas.

Vale lembrar que as praias só estão liberadas para a prática de esportes individuais, tais como corrida, caminhada, stand-up, surf, natação, vela, canoagem e mergulho submarino.

As demais praias de Búzios permanecem fechadas.

Por G1 — Região dos Lagos

28/07/2020 14h33